Skip to content

PFW*VERÃO 2012 | BALENCIAGA

29/09/2011

Balenciaga Verão 2012 | Reprodução/Vogue.co.uk

A apresentação da Balenciaga nesta manhã de quinta-feira (29/09) vai ficar marcada na história da moda certamente, com os bancos quebrando um a um e alguns convidados caindo. Por medida de segurança, todos os convidados assistiram ao desfile de 36 looks da coleção do verão 2012 em pé. Jornalistas com seus bloquinhos na mão anotava avidamente sem o primitivo conforto tudo que viam, prestando atenção nos milhões de pequenos detalhes que Nicholas Ghesquière está acostumado a colocar na passarela.

Anna Wiontour, editora chefe da Vogue América, chegou ao desfile da Balenciaga com o The New York Times na mão, vestindo, pela terceira vez esta temporada, um vestido da Cruise Collection 2012 da marca – Wintour usou um modelo semelhante no desfile da Kalvin Klein em Nova Iorque, em versão variante da estampa na saia, e a mesma peça de hoje no desfile da Prada em Milão. Foi justamente as linhas e formas que nós vimos na última Cruise Collection que, aperfeiçoadas, estiveram na passarela esta manhã.

Nicholas Ghesquière iniciou a paresentação com jaquetas de seda e  ombros largos, afuniladas nas pontas,  sobre caleçons estampados em tecido sintético. Logo depois vieram os vestidos ampulheta – propondo uma nova silhueta – com a primeira mistura de materiais da coleção, onde o xantungue de seda se misturou as composições de algodão. Os ombros eram estruturados, desafiadores. Depois mais caleçons e camisas com estamparia de inspiração bizantina tomaram conta da passarela.

A partir deste ponto, vieram as camisas desestruturadas e as calças de tecido duplo: denin na frente e uma sarja preta atrás. Com riatas que se confundiram com a pregas das calças no corte do tecido. Algo difícil de entender a primeira vista, mas sabiamente bem construído. A cintura foi marcada muito alta. Bolsos grandes com abas largas apareceram em quase todas as peças. Lindas blazeres sem gola ou lapela, com uma pala em tecido diferente tentaram simplificar a imagem de alguns looks, mas só tentaram, no tocante a modelagem as peças eram muito ricas.

Nada, porém, nem as calças de veludo, nem a cartela de cores metálicas, nem os bancos quebrando surpreenderam tanto os convidados quanto os chapéus dos looks finais. Em uma forma que vagamente me lembrou Darth Vader, com a abas traseiras enormes, fecharam com chave de ouro o bloco de vestidos ao final do desfile.

Foi um verão um pouco obscuro, diferente da grande proposta floral e leve das demais marcas que se apresentaram até agora. Ghesquière, que a 14 anos está a frente da direção criativa da Balenciaga, já entendeu muito que seu papel na moda e fazer parte da vanguarda. Embora a linha de sua silhueta também tenha se lançado sobre os anos 50, seu aporte nessa conjuntura foi bem mais significativo do que o dos demais.

Veja a coleção completa na galeria:

This slideshow requires JavaScript.

No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: