Skip to content

Sente-se para uma sessão no DIVÃ

28/04/2009
Sabe aquela coisa que Almodóvar consegue fazer tão bem: fazer a gente rir do choro. Divã é a versão brasileira da parceria da direção de José Alvarenga Jr. o do roteiro de Marcelo Saback.
Risos na doze certa, com lágrimas ainda mais respeitáveis.
Um casamento partido em pedaços que não se desfazem. Uma mulher em crise, seu analista e, é claro, um divã bege.
Um bela história sobre posse e perdas.
A fotografia é bem melhor do que normalmente apresentam os filmes nacionais, traz mais desafios, um ‘close’ nas mãos que falam, que expressam – momento que me prendeu bastante!
O roteiro agrada pela rapidez e inteligência, pela verbalização da simplicidade.
No figurino, o tom ‘cool de elite’ de Ellen Milet – cores sóbrias e leves toques de vanguarda no passeio singleo da personagem Mercedes pelos azuis e acompanhates, tudo muito calmo e summer.
O filme traz uma lição: “Precisamos aprender a viver com nossa incoerência!”
Quem ainda não viu, apresse-se para não perder este filme que mostra que há sim, muita esperança para o cimena nacional.
Lilia esta ótima, suas mãos me dizem muito!!!
No comments yet

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: